NOTÍCIAS

É oficial! Colômbia não exige mais teste de Covid-19 para turistas

A Colômbia anunciou que vai retirar a exigência de teste negativo de Covid-19 para visitantes internacionais que chegarem ao país de avião. Com a retomada dos voos internacionais para a Colômbia, o país está aos poucos se reabrindo ao turismo. Segundo a agência governamental ProColombia, a mudança está de acordo com a Organização Panamericana de Saúde.
Em um comunicado oficial, o Ministério do Turismo da Colômbia declarou que “os requisitos prévios aos voos são, em primeira medida, não apresentar febre ou sintomas respiratórios associados à Covid-19 e a apresentação do formulário de imigração“.

Conforme exigido pelo Ministério do Turismo, as companhias aéreas deverão informar aos passageiros que, ao chegarem na Colômbia, serão monitorados por sua seguradora, pelo Ministério da Saúde e/ou pelo Centro Nacional de Contato de Rastreamento.

A autoridade também recomenda que os viajantes evitem na medida do possível usar os lavatórios dos aviões em voos mais curtos do que duas horas. Os passageiros deverão usar máscaras e permanecerem nos assentos durante o voo.

Quarentena na Colômbia para viajar aos Estados Unidos

Com a decisão, a Colômbia se torna o destino reaberto mais próximo do Brasil a não exigir o teste negativo para Covid-19. Por isso, pode ser uma boa opção para fazer a quarentena obrigatória de 14 dias antes de viajar para os Estados Unidos. Outros destinos, como a ArgentinaPeru e Paraguai, também reabriram, mas ainda exigem o exame.
Atualmente, viajantes provenientes do Brasil que queiram entrar nos Estados Unidos precisam passar pelo menos 14 dias em um país que não tenha restrições vigentes. O México e até a Turquia eram usados como rota, devido aos voos diretos e a não exigência do teste. Com o retorno dos voos da Avianca para o Brasil, a Colômbia pode assumir o posto de “destino intermediário” para quarentena.